Buscar
  • CTC Atibaia

Mutirão leva o Grupo Raízes de Atibaia à Tietê – terra de Cornélio Pires



Mutirão, projeto voltado à defesa e fomento da música e da cultura caipira abre agora uma nova porteira: o protagonismo daqueles que são agentes divulgadores de nossas raízes identitárias. Mutirão levou neste sábado,dia 07 de março, o Grupo Raízes De Atibaia até a cidade de Tietê. Com mais de oito anos de estrada, o grupo foi contemplado no projeto por ter se mantido firme às suas raízes identitárias desde a sua fundação. A verdadeira música caipira aparece de forma absoluta em seu repertório. O respeito às composições originais, o cuidado com os arranjos e a formação do grupo são suas bandeiras, aliado a um importante trabalho de pesquisa que embasa toda a sua trajetória. Isto lhe rendeu um CD gravado através do Edital Proac em 2017, além de apresentações importantes como Virada Cultural Paulista, Museu da Casa Brasileira e Jockey Club de São Paulo. A apresentação do Grupo Raízes de Atibaia na cidade de Tietê, que tem a regência de Rafael Cardoso foi de grande significado. Nasceu ali Cornélio Pires, o grande divulgador da cultura caipira e o primeiro produtor responsável pela gravação da primeira moda de viola gravada em disco, Jorginho do Sertão (1929). Na belíssima e icônica apresentação, apresentou um repertório com clássicos da música raiz como “Adeus, Morena, adeus” (Piraci, Luiz Alex), Chico Mineiro (Tonico, Francisco Ribeiro) e Pescador e (Catireiro Carreirinho e Cacique). O ponto alto do espetáculo foi a homenagem que o grupo prestou à Cornélio Pires apresentando “Jorginho do Sertão” de sua autoria a um público atento e emocionado.


Mutirão é um projeto de Ruth Rubbo Produções Culturais realizado com recursos do Proac Edital 2019 – Secretaria de Cultura e Economia Criativa – Governo do Estado de São Paulo.


O espetáculo teve o apoio da Secretaria de Turismo e Cultura da Prefeitura do Município

de Tietê.




0 visualização

© 2020 Criação: Paulo Reis Jr.

Colaboração: Atena Marketing

  • Facebook
  • Instagram